Olhar Sines no Futuro
BEM - VINDOS!!!!
Buscar
 
 

Resultados por:
 


Rechercher Busca avançada

Conectar-se

Esqueci minha senha

Palavras chave

cmtv  cais  tvi24  

Últimos assuntos
Galeria


Dezembro 2018
DomSegTerQuaQuiSexSab
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031     

Calendário Calendário

Flux RSS


Yahoo! 
MSN 
AOL 
Netvibes 
Bloglines 


Quem está conectado
1 usuário online :: Nenhum usuário registrado, Nenhum Invisível e 1 Visitante

Nenhum

O recorde de usuários online foi de 864 em Sex Fev 03, 2017 11:03 pm

Polícia japonesa aprende português

Ir em baixo

Polícia japonesa aprende português

Mensagem por Admin em Qua Jun 03, 2015 12:09 pm

Shutterstock

Agentes da polícia japonesa estão a aprender a língua portuguesa para enfrentar a criminalidade dos brasileiros no Japão, divulgou a BBC Brasil.

Termos da "gíria" brasileira, como "treta" (confusão, briga, mentira), "bagulho" (coisa de baixa qualidade, um objeto qualquer, marijuana), "mano" (amigos), e outras expressões são ensinadas aos agentes da polícia, noticiou a BBC Brasil.

"Durante dois anos, de segunda a sexta-feira, os agentes aprendem o nosso idioma, inclusive gírias e termos técnicos jurídicos", disse o professor Miguel Kamiunten, que dá aulas a polícias japoneses.

"O objetivo é facilitar o trabalho comunitário em regiões com grande concentração de brasileiros, como passar informações, desenvolver ações de prevenção e dar orientações aos brasileiros", referiu.

Kamiunten, que é brasileiro, também disse que as aulas foram criadas por causa do alto índice de criminalidade entre os brasileiros que vivem no Japão. 

Até agora, cerca de 200 polícias já se formaram neste curso.

"Uma preocupação é não ensinar 100% a gramática, mas habilitar os polícias a comunicarem com os brasileiros, principalmente com os jovens", afirmou o professor.

Segundo dados da Agência Nacional de Polícia, os brasileiros foram responsáveis por 1.619 crimes cometidos em 2014, 806 casos a menos do que em 2013. O crime mais cometido por brasileiros no Japão é assalto a veículos, com 686 casos em 2014.

As autoridades acreditam que esta diminuição esteja relacionada com a redução do número de brasileiros no país. Mais de 150 mil "decasséguis" (aqueles que saem da sua terra para trabalhar noutro lugar) regressaram ao Brasil desde a crise financeira de 2008.

Por mais de uma década, os brasileiros ocuparam o segundo lugar na lista de crimes cometidos por estrangeiros no Japão, atrás apenas dos chineses, mas desde o ano passado, os vietnamitas passaram os brasileiros.

A maioria dos presos no país, segundo o Ministério das Relações Exteriores do Brasil, é formada por jovens envolvidos em furtos e roubos de pequeno valor, além de tráfico e consumo de drogas.

"Pela grande quantidade de jovens presos, podemos dizer que a questão da educação é um dos pontos cruciais no caso do Japão", afirma Kamiunten, que também é ativista e membro do Conselho de Cidadãos do Consulado-Geral do Brasil em Tóquio.

Para o professor, há uma falha no processo educacional que nem os governos brasileiro e japonês, nem as famílias, estão a conseguir superar.

Segundo um relatório do Ministério das Relações Exteriores do Brasil, o número total de brasileiros presos no exterior é de 2.787.

Os Estados Unidos lideram, com 407 presos, seguidos do Japão, com 397, o que representa 97% do total de presos brasileiros na Ásia.

03/06/2015 12:25:36
Lusa/SOL

_________________
Cláudio Carneiro


Facebook
avatar
Admin
Admin

Mensagens : 16761
Pontos : 49160
Reputação : 0
Data de inscrição : 07/12/2013
Idade : 31
Localização : Sines

Ver perfil do usuário http://olharsinesnofuturo.forumotion.com.pt

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum